Página InicialProdutosEletrônica Fontes de AlimentaçãoAplicações

Requisitos específicos de aplicação

Weidmüller - soluções de fornecimento de energia para todas as aplicações

 
Aumento da potência de saída

Adaptar a energia de saída conectando unidades fontes de alimentação em paralelo.

  • Unidades fontes de alimentação INSTAPOWER: até 3 dispositivos podem ser conectados em paralelo

  • Unidades fontes de alimentação PRO-M: até 5 dispositivos podem ser conectados em paralelo

  • A indicação da falha de dispositivos individuais pode ser realizada utilizando módulos de diodo opcionais

Dica:

Para garantir a distribuição mais uniforme da carga entre as unidades fontes de alimentação ligadas em paralelo, a diferença de tensão não pode ser superior a ± 50 mV. Esse equilíbrio é alcançado quando o fio positivo está conectado. O cabeamento simétrico também ajuda a distribuir a corrente uniformemente.

 

 
 
Isolamento e estabilização galvânica
 

Os conversores DC / DC isolam galvanicamente a tensão de entrada da de saída e as prepara:

  • para compensar a perda de tensão que ocorre devido à maior resistência ao cabo

  • para evitar loops de aterramento que podem ocorrer em plantas que estão espalhados por uma grande área

  • um relê de alarme livre de potencial e uma saída de transistor oferece monitoramento de status completo

  • versões especiais, fornecidos como proteção classe III dispositivos, significam que se pode usá-las em sistemas de aterramento flutuantes, como os que podem ser encontrados na operação de baterias de back-up

 

 
Nobreak
 

Interrupções na alimentação e quedas de tensão são uma causa frequente de falhas do sistema. Unidades de nobreak apoiadas em baterias ou baseados em capacitores cobrem esses tipos de falhas de linha de rede e, dessa forma, aumentam a disponibilidade do sistema.

  • Diferentes relês de estado permitem o monitoramento de status

  • A unidade de controle UPS monitora a tensão de entrada e, em caso de uma falha, muda imediatamente para o funcionamento à bateria

  • Quando a energia é restabelecida, a tensão de entrada é novamente mudada para a carga e a bateria é recarregada

  • Um sistema de proteção contra descarga profunda integrado e uma curva de carga otimizada garantem que a bateria tenha uma longa vida útil

 

 
Reserva de energia correntes de pico
 

Para o acionamento seletivo de disjuntores ou para reservas de energia de curto prazo adicional, um módulo capacitivo pode ser integrado no circuito de 24 V.

  • O relê de alarme integrado monitora a tensão de entrada monitorando, assim, o estado da fonte de alimentação de 24 V DC

  • Energia suficiente para acionamento do pulso de disjuntores (MCBs)

  • Para aumentar ainda mais as reservas de energia, módulos de capacitores múltiplos podem ser ligados em paralelo

Dica:

O módulo capacitivo pode ser utilizado de forma independente da energia de saída dos módulos de fontes de alimentação. Ao acionar os disjuntores, a impedância de linha deve ser observada (ver catálogo principal, 4.3).

 

 
Unidades fontes de alimentação redundantes
 

A disponibilidade das unidades fontes de alimentação é aumentada com o uso de circuitos redundantes. Nesse caso, cada unidade fonte de alimentação individual pode, por si só, suportar a carga total exigida na eventualidade de uma falha.

  • Monitoramento separado de tensão dos canais de entrada (relê de alarme)

  • Monitoramento de status completo, incluindo monitoramento de tensão de ambas as entradas graças ao relê de alarme integrado

  • Módulos de diodo proporcionam 100 por cento de redundância - isto também é conhecido como "redundância verdadeira"

Dica:

Um exemplo de unidades fontes de alimentação redundante

  • para uma saída de corrente de 20 A: 2x PRO-M, 20 A + 1x CP M DM20

  • para uma carga de saída de 40 A: 2x PRO-M, 40A + 1x CP M DM40

 

 
Proteção de carga seletiva
 

O desmembramento de toda a carga secundária em circuitos de carga individuais que têm elementos de segurança de funcionamento rápido em caso de falha é conhecido como proteção de carga seletiva. Fusíveis eletrônicos são ideais para atender às necessidades especiais encontradas na proteção da carga seletiva.

  • A curva característica de acionamento do fusível eletrônico é, por um lado, veloz o suficiente para desligar o circuito defeituoso rapidamente, e por outro lado, suficientemente tolerante para lidar com a partida de um motor ou com cargas capacitivas

  • Um interruptor para ligar ou desligar a saída significa que é mais simples diagnosticar erros e comissionar

  • O acionamento do fusível é sinalizado por um relê de alarme livre de potencial

  • Um reset da entrada permite ao fusível ser novamente ligado remotamente

 

 
Compartilhamento de corrente ativa
 

Distribuição uniforme de uma corrente de carga por duas unidades fontes de alimentação usando o compartilhamento de corrente ativo.

  • Resulta um aumento significativo na disponibilidade da fonte de alimentação à medida que cada unidade fonte de alimentação sempre opera apenas no máximo à metade da corrente nominal

Dica:

Sempre usar dispositivos do mesmo tipo. O compartilhamento de corrente ativa é obtido usando os módulos de redundância CP T RM10 e CP T RM20.